Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

SorrisoIncógnito

Todo o sorriso é apaixonante devido ao incógnito que o ofusca! SORRIR_um estado de espírito...

06
Set19

Clube VilaRosa - Praia da Rocha

Maria

Não conhecia o hotel.

20190820_180657.jpg

[a primeira fotografia que tirei, da nossa varanda, numa altura em que estava a haver aula de zumba na piscina]

IMG_20190821_220459_086.jpg

 

Ficamos num quarto no prédio da Recepção com tudo ali à beira. O restaurante, o bar e o acesso à piscina principal, era mesmo ali. E o nosso quarto calhou mesmo de frente para a piscina. O quarto em si era bom, recentemente renovado, quarto standard, onde podíamos ainda contar com uma zona de mini cozinha com tudo o que precisaríamos caso usássemos. Frigorífico, fogão, banca da loiça, micro-ondas, cafeteira eléctrica, pratos, copos e talheres. No caso, estávamos em tudo incluído daí não termos usado nada. Tínhamos ainda a varanda com uma mesa e duas cadeiras com vista sobre a piscina principal.

O quarto estava sempre muito cheiroso após as senhoras da limpeza passarem por lá todos os dias.

Desde as pessoas da recepção, às pessoas do bar/restaurante. Aos seguranças, às senhoras da limpeza, tudo gente simpática. Ao Sr. Carlos do bar e à menina de cabelos lisos loiros, que não cheguei a saber o nome mas que nos recebia sempre com um sorriso e simpatia na zona do bar/restaurante piscina um muito obrigada pela simpatia durante os dias por lá.

20190821_215245.jpg

O Hotel fica a cerca de 10 minutos  a pé da Praia da Rocha. Num percurso que se faz muito bem e que me ajudou na parte da caminhada visto que me desgracei a comer.

E o dolce far niente deu cabo de mim.

 IMG_20190820_191432_822.jpg

Quanto à comida. Uma desgraça. Nos quilos, porque era óptima. Sem exageros. Não é que tivesse mil e dois pratos para escolher, mas numa semana não repetimos prato porque tem sempre coisas diferentes. Texuguinha como sou provei quase, quase de tudo. Tinha sempre um prato de massa, um prato de peixe e um prato de carne. Mais os acompanhamentos. Tinha sempre muitas saladas frias, só na parte das sobremesas é que acho que faltava variedade e mais opções. O que não me afectou muito porque confesso, comi sempre tão bem que não chegava a ter espaço para a sobremesa. É claro que lá esqueci dietas e repeti muitas vezes o prato da comida. E aquele bacalhau que eu repeti o prato e só não fui ao terceiro porque era o almoço e não queria ir para a água só às sete da tarde? Bem, como digo a comida era mesmo muito boa. O sabor. No ponto certo. Pelo menos para mim.

Há noite ouve sempre animação menos no dia do jogo Benfica-Porto mas aí eu fiz a animação ahah.

Na zona da piscina, na terça-feira e na quinta-feira houve zumba. Havia sempre música no bar de apoio à mesma.

IMG_20190821_010315_345.jpg

 

Dentro do hotel tínhamos mini-mercado. E uma segunda piscina, mais afastada da principal, visto que o Hotel tem muitos blocos de apartamentos.

20190823_100116.jpg

Tinha campo de ténis. Um parque de diversões para crianças e na zona da piscina costumava estar uma menina que entretinha os pequenos, com balões e pinturas e mais não sei bem o quê porque não usufrui desse serviço ;)

Como disse a rua mais conhecida da Rocha, onde tem as lojinhas, cafés, bares e afins ficava a uns dez minutos a pé e além de passarmos lá de dia, para ir para a praia, à noite dávamos lá um salto.

20190824_123809.jpg

IMG_20190825_132755_981.jpg

Voltava já amanhã porque foi positivo. E depois de duas semanas de trabalho já tenho saudades daquele dolce far niente e descer as escadas para dar um mergulho na piscina. Oh vida.

10
Jun19

Viva PORTUGAL!

Maria

FB_IMG_1560116166333.jpg

 

Portugal faz vibrar toda uma nação.  E é tão bonito quando vibramos todos do mesmo lado!

Ontem voltei a ter a bandeira na varanda e a esperança no coração. E foi lindo de ver, ainda para mais no Dragão cheio. 

A equipa foi bem escolhida a meu ver e gostei do jogo. Jogaram bem. Passes assertivos, bom desempenho e ocupação dos espaços.  Uma defesa bem consistente. Um jogo bem mais fluído da parte de Portugal que no jogo anterior. O Guedes, não só por ter feito o golo fantástico que nos deu a vitória, mas esteve sempre bem, na segurança de jogo e na rapidez de levar o jogo para a frente. Rúben Dias muito bem, grande jogo. Danilo e William no melhor. Bernardo Silva a dar tudo. Ronaldo apesar se não ter feito nenhum golo esteve bem mesmo a vir buscar jogo que o faz cada vez mais. 

Parabéns miúdos e Obrigada.

Parabéns PORTUGAL  é a primeira taça da primeira Liga das Nações e esta é  NOSSA ❤🇵🇹

Foi ontem mas podia muito bem ser hoje que é dia de PORTUGAL.  O futebol é das coisas que mais alegria traz aos portugueses que gostam. Onde esquecemos todos os outros problemas  de amarmos o nosso país mas não gostarmos de tanto que o estragam, que não o respeitam.

Estes jogadores levam o nome de Portugal fronteira fora  com orgulho que sempre demonstram.

Viva PORTUGAL. 

Parabéns PORTUGAL

Portugal 1 x 0 Holanda Final da Liga das Nações CAMPEÕES 

06
Jun19

Um bailinho à Ronaldo!

Maria

 

Já tinha saudades de vibrar com o futebol, confesso. E ontem consegui ver os primeiros quinze minutos de jogo e os últimos trinta. Visto que pelo meio fui ao treino (e isto é um grande passo para quem me conhece, deixar o futebol para ir treinar!).

E já toda a gente sabe do que aconteceu, porque desde então não se fala de mais nada. Cristiano Ronaldo fez o hat-trick que deu a vitória a Portugal e por isso a tão desejosa passagem à final de Domingo. E de repente parece que não há mais ninguém na selecção que Ronaldo, dizem os críticos. Na verdade há. Mas pelo que se viu ontem do jogo, se não houvesse Ronaldo além da equipa, dificilmente ganharíamos o jogo. E acho que os próprios dos jogadores o reconhecem. Não vou falar de Felix, porque não é por sermos de clubes diferentes que o tenha que fazer, mas a opinião de puto mimado não mudo e acho que ele não esteve bem e a culpa de tanta glória à volta dele é dos media que o põem num patamar que há que ter calma. Há indignação por dizerem "Ronaldo e o resto da equipa" e depois não há quando dizem "Ronaldo, Felix e o resto da equipa"? A questão é que Ronaldo é incomparável. Felix é um puto que com a cabeça no sítio pode chegar longe. Ponto. Não confundir as coisas. E temos outros jogadores na selecção com cartas bem jogadas de carreira que não podem ser "inferiores" a Felix. Que entrou agora, não teve sucesso na estreia como titular e tem que trabalhar bem para merecer o lugar. Como acontece com todos.

Depois de tanto alarido à volta dele e da sua estreia na selecção antes do jogo, quando li um "O colega de equipa de Felix marcou três golos" (sarcasmo bom) foi aquela chapada de luva branca para quem não sabe o lugar que cada um ocupa. Mas os media é que influenciam isto. E mais do mesmo, na maior parte das vezes só influenciam mal! Dão protagonismo a quem querem dar porque na realidade é o que está a vender. As notícias são isso, certo?

E foi quando já tudo pensava que se seguiria o prolongamento que tudo muda.

Ronaldo tem o mérito. O primeiro golo através de um livre directo, ganho por ele e executado irrepreensivelmente em golo. O segundo golo aos 88minutos, muito mérito pelo passe em profundidade do Rúben Neves e pela perfeita recepção de Bernardo Silva que atrasou para Ronaldo que converteu no segundo golo e dois minutos depois o terceiro golo saído de uma das jogadas características de Ronaldo com um bailinho em frente ao adversário e um tiro à baliza certeiro. Estava feito. Mérito a quem é de mérito.

Nem sequer dei fé de Bruno Fernandes em campo. Domingo precisamos de mais um bocadinho da euipa. Se o Ronaldo estiver igual e conseguir um feito assim também era bom.

Pepe que se lesionou estando a fazer um óptimo jogo deve falhar a final, ainda não se sabendo o estado clínico mas a quem desejo rápidas melhoras e que seja só um susto.

Parabéns PORTUGAL estamos lá 

Portugal 3 x 1 Suíça meis finais da Liga das Nações, passagem à final

25
Abr19

25 de Abril

Maria

Obrigada a quem conquistou esta minha/nossa liberdade.

Obrigada a quem lutou pelo fim da ditadura. A quem lutou pela democracia. Obrigada por, sendo eu ainda para mais mulher, ter a liberdade de ser quem eu quero. Obrigada pelos direitos humanos e individuais conquistados. Nunca é demais agradecer pela coragem que nos trouxeram aos dias de hoje.

 

"Foram dias foram anos a esperar por um só dia.
Alegrias. Desenganos.
Foi o tempo que doía com seus risos e seus danos.
Foi a noite e foi o dia na esperança de um só dia"

Manuel Alegre

20
Nov18

Quando todos vêem o que ninguém quer ver!

Maria

Foto: A Terceira Dimensão

[Foto: A Terceira Dimensão]

Não era a estrada que devia estar cortada. Quer dizer neste ponto de partida também. Mas, na verdade as pedreiras é que nunca deveriam ter escavado até deixarem a estrada naquele estado. Uma ponte desgovernada.

Como é possível alguém dizer que já se estava à espera mas mesmo assim não fazerem nada?

Que Portugal continua a ser este , bonito para Inglês ver (e agora morar) mas tão lento e feio no fazer acontecer em vez de esperar para ver?

Como é possível haver licenças para este tipo de estruturas que escavam tudo até não poder mais conscientes que estas coisas podem mesmo acontecer mais dia menos dia?

Como é possível dizerem que a estrada devia estar cortada (e chegando ao ponto que chegou, devia), minimizando assim a segurança dos trabalhadores daquelas pedreiras na iminência de desabarem?

É possível porque tal aconteceu. Alguém deixou acontecer. E agora?

A culpa não é de ninguém. As consequências vão morrer lá longe onde ninguém as sofre. E mal de quem lá foi. Outros dirão mal de quem sofre pelos que foram. 

Verdade nua e crua, tretas.

Cambada de incompetentes que deixam andar.

Sejam eles empresários, engenheiros, forças policiais, autoridade das condições de trabalho ou autarquias. Porque se tu não usas capacete na obra estás sujeito à multa do ACT mas depois podes escavar uma pedreira até ao limite de uma estrada numa altura como o que se vê e no problem!

Agora é mandar para lá a protecção civil para fazerem o "trabalho" deles a correr riscos porque se deixou chegar a este ponto.

Dois mortos confirmados e desconhecem número de desaparecidos.

Está certo.

(estas coisas dão-me cá uma urticária!)

10
Out18

A saúde deste País

Maria

As greves as greves...

Sinceramente eu nem sou muito de comentar as greves que se fazem neste país, mas quando toca à saúde a coisa custa-me.

Custa-me na parte de toda a gente é livre de fazer greve e os funcionários públicos fazem-nas.

Mas depois conhecer alguém com cancro que tinha operação já algum tempo marcada para amanhã e que lhe ligam a avisar que devido à greve dos enfermeiros não pode ser operada e depois marcam novamente operação é inexplicável.

«Se calhar estão à espera que uma pessoa morra para ser chamada para ser operada.»

Encolho os ombros mas... se calhar... e isto é tão triste.

13
Set18

Nazaré - os restaurantes à lá #MariaTexuga

Maria

Como já aqui contei, as férias não deram para muita praia. 

Então há que fazer jus ao nome #MariaTexuga e passei a aproveitar mais ainda para comer.

Como prometido, tenho restaurantes maravilhosos para partilhar. Até que acabo sempre por voltar ao mais antigo que conheço e que não desilude. Nem na comida nem no saber receber. Tão mas tão bom.

A Tasquinha - quem já foi a Nazaré é impossível que não conheça. É um dos restaurantes mais procurados. Tem pratos maravilhosos. A qualidade é sempre do melhor. Quem vai uma vez, volta. De certezinha absoluta. Ouvimos lá imensa gente a contar as suas histórias de voltar anos após anos. Portugueses e estrangeiros. No meu caso que já conhecia de ginja a casa, voltei uns catorze anos depois e - voilá - continua a não desiludir. Melhor, o Sr. Carlos, dono, pessoa amável, simpático e prestável lembrou-se do meu grupo de há anos, como pode? Mas é verdade. E foi tudo tão bom que voltei mais dias a lá jantar. Sempre bem recebidas. Muitos sorrisos. Muita simpatia por parte de todos, Sr. Carlos, a irmã, os filhos e os funcionários. Um bem haja para todos eles, por nos fazerem sentir tão em casa.

A Tasquinha Nazaré

A dica mais importante. Reservar. Sempre. Vão esperar na mesma (isto em época alta pelo menos é assim), vale a pena claro a espera, mas terem reservado é o melhor que fazem. E eles ainda vos brindam, enquanto esperam por um mini shot de um aperitivo. Depois a meu ver o preço é completamente de acordo à comida servida, a qualidade e quantidade. Peçam sugestões, eles adoram dar o seu toque. E há imensas coisas para experimentar. Estes camarões à Tasquinha na primeira fotografia, com aquela óptima salada escondem uma salada russa com maionese divinal. No todo é um sabor fantástico. Até que, um dos pratos para nós escolhido sempre que fomos foi quase sempre esse e depois escolhia-mos outro a dividir. A carne de porco a Alentejana foi o prato pelo qual me apaixonei pela Tasquinha há uns anos atrás. Só de me lembrar daquele sabor cresce-me água na boca. A melhor massa do Mar que comi. Acreditem é do melhor.

Se lá forem não se esqueçam de fazer uma visita. Vai valer mesmo, mesmo a pena. E falem com eles, vão sentir-se em casa.

Só tenho a agradecer ao Sr. Carlos, Carlos Pai e Carlos Filho, pela simpatia, dicas e conselhos naqueles dias.

Taberna d' Adélia Nazaré

A Taberna D'Adélia. Outro restaurante também bastante procurado, que também já conhecia e continua a não desapontar. Muito pelo contrário. Não tendo a confiança que se ganhou na Tasquinha, mas também acessível, pessoal simpático e atencioso. A melhor espetada que comi na Nazaré. Espetada de tamboril, camarão e lula. Deliciosa, acompanhada com batata cozida e um tipo de açorda de marisco. Sem esquecer a sobremesa que me ficou no paladar até hoje, uma panacota de frutos vermelhos de comer e chorar por mais. Não houve fotografia que uma pessoa mal olhou para ela devorou e nem deu tempo para tirar fotografia.

Casa o Santo

O Santo.  Também já conhecia de outros tempos e continua a ser dos mais procurados. Ali pertinho do elevador, podemos encontrar esta casa que tem óptimos petiscos. Nomeadamente as ameijoas que são do melhor com um molho apetitoso.

 

Como disse no outro post. Gostei de voltar a Nazaré tantos anos depois, encontrar casas que já conhecia e saber que a qualidade se mantém tão boa ou melhor. 

Neste caso fomos duas #MariaTexugas que gostam ambas de comer bem e aproveitamos bem as férias nesse sentido.

Fiquem com as dicas. Aproveitem e viagem mais cá dentro. Aproveitem também a nossa fantástica gastronomia.

31
Ago18

Férias - fora cá dentro.

Maria

Passei anos a ir de férias para Nazaré com o meu irmão e amigos. Tenho imensas saudades desses tempos, desses amigos, do nosso grupo que a vida teimou em separar cada um para a sua vida mas que foram os meus amigos grande parte de infância por serem amigos também do meu irmão. 

Durante muitos anos deixei de voltar lá. Vão uns catorze, quinze anos. Mas há muito que a vontade de voltar era grande. Pela Naza, pelas gentes, pela comida, pela simpatia das pessoas, pela paisagem, por ser um lugar onde já fui muito feliz. E eu gosto de voltar. Confesso.

E voltei.

Nazaré

 

Nazaré anda nas bocas do Mundo por causa das maiores ondas, mas eu voltei pelo carinho que lhe tenho.

Não tive muita sorte com o tempo. Apanhei quase tudo menos o sol que procurava. Consegui uns dois dias de sol, sendo que um deles foi o dia de voltar para casa. Apanhamos nevoeiro mas com frio e vento. Apanhamos morrinha daquela que não só molha tolos como molha todos! 

Aproveitei para fazer o que melhor que sei fazer. Comer! E como a comida Portuguesa é boa. E como se come bem em Nazaré!

Acreditem, e é aqui que percebo porque arredondei os números e cheguei a um peso que nunca vi na balança. Adiante.

Estas são as melhores fotografias para vos mostrar.

Nazaré

 

Nazaré

Na segunda fotografia o sol chegou às seis da tarde e nós andávamos a passear nas ruas e corremos para a praia para aproveitar quase uma hora com frio ao sol. Na terceira fotografia estava vestida. Fui uns quinze minutos à praia a ver se a coisa melhorava ou era suportável, mas não só não consegui tirar a roupa como tive que tirar a toalha para me cobrir que estava gelada. Quinze minutos e oupa que se faz tarde.

IMG_20180830_153512.jpg

Always smile*

Nazaré

 Na avenida principal numa zona junto à praia pode ver- se o peixe a secar.

Como podem ver nas fotografias foi mais um dia em que o sol não apareceu, estava fresco e vai de dar uma volta. Logo após a assistir a um jogo de futebol de praia. O dia ficou sempre assim sendo que ao fim da tarde estava mesmo frio.

Nazaré

A fachada de um restaurante mais gira que vi por lá. As imensas ruas apertadas e aquelas casas coladas até ao mar. As noites super divertidas. Muita gente. A minha Caipi Black que não falha. Uma noite de música muito muito boa que adorei no Blá Blá e eu e a minha melhor amiga perdidas por lá. Foi dos sítios à noite que mais gostamos de ir. Pela boa onda, pela música, pelo pessoal do bar que foi espectacular connosco e por tantas lembranças que aquele bar me trazia dos tempos que por lá passei. Voltar e encontrar o bar aberto foi muito bom.

Nazaré

O último dia foi para ir ao Sítio. Ao farol. Ver a Praia do Norte. E onde acontecem as Maiores ondas do Mundo. A vista já conhecida, mas sempre impressionante. Para onde quer que te vires. McNamara pôs Nazaré nas bocas do Mundo. E é só mais impressionante estar lá e ver as imagens  e tentar imaginar quem tem a coragem de estar no farol na época das maiores ondas. Já não falo da coragem que têm os surfistas ao enfrentar  aquele mar porque esses são de outro mundo. As mensagens deixadas por alguns surfistas à beira das suas pranchas mencionam quase sempre a grandeza o poder e a magia do lugar. 

"Desde p momento que entrei neste edifício em 2010, soube que era mágico e especial. e que iria surfar aqui as maiores ondas do Mundo. aqui conheci alguns dos meus melhores amigos que me ajudaram a conquistar o Guiness World Record. Todos os meus sonhos tornaram-se realidade graças à Nazaré. Nunca é cedo ou tarde demais para encontrares a tua paixão e viveres os teus sonhos." McNamara.

Apesar de não ter apanhado bom tempo para a praia adorei voltar a Nazaré e os dias foram muito bons.

E ainda falta falar da comida, mas isso dá outro post mesmo à lá #MariaTexuga.

Voltarei com certeza. E gostava muito de voltar lá na época das Maiores ondas. Obrigada (gentes da) Nazaré por seres sempre tão acolhedora.

 

17
Jul18

Férias - Oura View Beach

Maria

O Hotel.

Oura View Beach Club

 

Oura View Beach Club

 

Parai da Oura

 

Oura View Beach Club

 

Oura View Beach Club

Strip Oura

[ fotografias todas da minha autoria] 

 

Bem, o hotel para mim foi fantástico. Muito bem localizado. Foi o melhor sem duvida. Tínhamos piscina exterior logo ali à nossa frente e portão com acesso directo à praia da Oura.

A rua mais conhecida - a Strip - ficava a uns escassos metros e mesmo assim tínhamos todo o sossego dentro do hotel. Quase que consigo afirmar que só encontrei gente simpática. E chegamos a comentar isso lá mesmo. Desde empregados do hotel, seguranças, às senhoras da limpeza, aos outros hóspedes... estrangeiros e portugueses.

Dentro do hotel tínhamos mini-mercado. E pela manhã vendia uns croissants caseirinhos óptimos.

Voltava já amanhã porque foi positivo.

[Durante as férias recebi algumas mensagens de amigos a perguntar onde estava,

pensaram sempre que era fora de Portugal num qualquer resort.

Em Portugal há lugares bonitos também.

Não esquecer!]

Sobre mim

foto do autor

Espreitem Como eu Blog

Expressões à moda das “tripas” do Porto!

Sigam-me

<>

INSTAGRAM

<>

<>

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Sorriso desde 11/02/09

<>

<>

Twita-me

<>

<>

Pesquisar

Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D