Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

SorrisoIncógnito

Todo o sorriso é apaixonante devido ao incógnito que o ofusca! SORRIR_um estado de espírito...

10
Jul14

Oportunidades!

Maria

As oportunidades são para serem aproveitadas. É tudo tão cliché dizer isto como dizer a algum puto que não quer ir à escola que um dia vai lembrar que o tempo de escola é que era fixe. Eles dizem que isso é conversa de quem já lá não anda e nós sabemos que é a verdade porque aqueles tempos não voltam. Falar sobre as oportunidades é a mesma coisa. Eu sei que, e espero, muitas vamos ter ainda e muitas serão as que vou perder. Elas não voltam e na hora passa-te, um dia mais tarte lembras-te e nada há a fazer. As oportunidades vêm e vão, verdade seja dita, mas não as mesmas.

17
Set13

Eu sempre disse que adorava ser mãe!

Maria


Até à data ainda não o sou, não tive essa felicidade. Eu gostava de ter sido mãe já há uns anos, pela parte de adorar as crianças, no entanto não é assim e apenas por desejo que se o é, e todos os outros pontos relevantes para a questão não estiveram até à data à altura de. Mas avante. Eu sempre disse que adorava ser mãe. E ser tia é o mais próximo que me faz estar disso. Olhar o pequeno príncipe, tê-lo em meus braços e na minha vida é um amor incondicional que nada abala. E agora com cinco anos tenho umas saudades enormes de o ter assim bebe, frágil e indefeso no meu peito só para me sentir a sua protecção. É um amor que ultrapassa a barreira do coração e todas aquelas ramificações que fazem de um amor às vezes o que não é. E eu sempre serei para ele a tia e ele será para mim sempre o filho de coração. E só Deus sabe o que me custa esta distância que me/nos tira tanto do tanto que este amor dá. Depois tenho as minhas amigas que estão na fase do procriar, e que me dão os outros bebés sobrinhos/as de coração, porque o sangue permite barreiras mas o coração não. E esta minha pequena “sobrinha” que nasceu à poucos dias (7), traz-me a lembrança da saudade que tenho de encostar em meu peito um ser frágil, delicado, puro e repleto de paz. Cada minuto partilhado com estes seres é um tempo que passa enriquecido, soberbo de felicidade. Eu sempre disse que adorava ser mãe e não sendo de filhos meus, poder transmitir o amor que lhes tenho aos que me são próximos abraça-me o coração. E não pensem que gosto de os ajudar cuidando-lhes dos filhos, eles é que me ajudam a mim, muito...

28
Fev12

Depois, depois há os outros...

Maria

Há aqueles que amam e gostam de ser amados. Há aqueles que fazem acontecer e não esperam que aconteça. Há aqueles que procuram entender o que sentem e o porquê de se dizer é amor. Há aqueles que todos os dias querem encantar. Há os que não querem saber de rotina, há ainda os que permitem falar de amor. Há aqueles que procuram-se na felicidade de quem está a seu lado e não de se contentam em encontrarem-se apenas na sua felicidade. Há os que buscam o prazer do próximo com o seu. Há os que dizem nós e não sentem pressão com isso. Há os que são difíceis de encontrar, não porque se esperam em cavalos brancos, mas porque querem ser esses que sempre dizemos que existem...

14
Jun10

Let’s talk about sex or men's is the same! *3*

Maria

Qual é o problema dos homens falarem de outros homens sem ser para falar das bombas que eles têm ou das mulheres que andam a comer? Só se pronunciam em coisas de macho, dizem eles. E raro é o homem que responde quando questionado sobre aquele gajo é bonito não é? Viste aqueles olhos? Já viste a t-shirt daquele é gira! E as calças? Passa-lhes ao lado ou ainda lhes sai um tenho cara de panisgas para apreciar outros gajos?? (mas se vêem um mais cuidado não se coíbem de dizer logo ui aquele cá para mim joga noutra equipa!) Qual o problema? Porque ficam todos encavacados como se lhe atacassem a sua virilidade?

05
Mai10

Gente parva! *2*

Maria

Se há coisa que não percebo é porque é que se aponta tanto o dedo para falar dos outros. E normalmente quem mais critica, quem mais fala, quem mais críticas não construtivas faz é das duas uma, ou quem não sabe patavina dos factores intervenientes de que se fala ou tem telhados de vidro. Sim porque normalmente é nos outros que criticamos, íamos agora criticar nós próprios talvez até pelos mesmos erros. Era o que faltava! É que isto aconteceu com os outros mas nunca se sabe quando poderá bater à nossa porta. Isto é tudo muito bonito enquanto o nosso destino passa no dia do amanhã e no dia de hoje passou no vizinho. Quando até já fiz o que "ele" fez, mas só uma vez e nessa vez poderia ter acontecido o que lhe aconteceu agora. Porque para as coisas acontecerem basta uma vez afinal de contas a vida são dois dias não são?

Eu trair? Nunca! Passando uns anos fui amante. Eu beber? Bebo com moderação mas conduzir bêbado? Nunca. Uma vez vi-me negra para chegar a casa mas só bebi uns copos… Pé pesado eu? Nada disso. Uma vez olhei para o conta-quilómetros ia a 200 nem se notava. And so on and so on… Quem nunca cometeu erros/loucuras que atire a primeira pedra. E se realmente até correram bem só têm que agradecer e nunca condenar quem as cometeu e teve a infelicidade de não correr bem!

22
Abr10

Vamos levar tudo ao exagero que assim é que é!

Maria

As pessoas têm a mania de levar tudo ao exagero para críticas ou comparações, acho uma tremenda estupidez. Em tempos tinha uma colega que sempre que passávamos por uma pessoa obesa ela dizia sou mais magra não sou? Aquilo constantemente já me começava a irritar até ao dia em que com o meu sorriso mais que cínico saiu-me um tu também só te comparas com pessoas que de longe são muito mais fortes! Passou. Anda aí uma onda que só me fez lembrar isto. Isso não é aumentar o ego, é querer dar-lhe umas turrinhas de compaixão!Por amor da santa. Ai eu não gosto nada de homens com pêlos e vão logo buscar o Tony Ramos… Ai eu não gosto nada de cirurgias plásticas fica-se pior que aquilo que já se era, e vai-se buscar aquela/e que por acaso a coisa até não correu pelo melhor e o nariz está torto… ai eu não gosto nada de unhas de gel e vão logo dar como exemplo aquelas afiadas com desenhos do mais piroso que há em todas e tipo arco-íris… ai não gosto nada do penteado daquela parece que leva ali a crista levantada e coisa e tal, tudo porque no dia anterior tentou fazê-lo e a cabeleireira disse que não se adequava ao seu tipo de cabelo… Ai não gosto nada daquele site/blog ou revista cor-de-rosa mas só por acaso ocupam grande parte do seu tempo a vê-los... Ai vou agora eu meter-me em dietas para ficar escanzelada como a x ou a y nem pensar no way, isto depois de terem tentado mil e uma coisa mas como não obtiveram resultados toca a fazer comparação com aquelas que até sofrem de anorexia, só para se sentirem bem… Disto, é o que não falta por aí meus queridos…

Sobre mim

foto do autor

Espreitem Como eu Blog

Sigam-me

<>

INSTAGRAM

<>

<>

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Sorriso desde 11/02/09

<>

<>

Twita-me

<>

<>

Pesquisar

Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D