Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

SorrisoIncógnito

Todo o sorriso é apaixonante devido ao incógnito que o ofusca! SORRIR_um estado de espírito...

01
Mai19

Quando apontamos um dedo temos os outros apontados a nós!

Maria

Acho que esta é uma daquelas lutas que há partida estão perdidas.

Mas que eu não desisto e que continuo a passar a palavra.

No ano passado quando estive em Fátima, cheguei nos meus "pedidos" a mencionar isto mesmo, julgar menos. Ser uma pessoa melhor. Porque estou a aprender todos os dias a fazê-lo.

Não é um processo fácil. Há sempre tendências e hábitos que ficam enraizados. Não que andasse por aí a julgar quem quer que seja. Que nunca fui muito disso. Sempre me ensianaram a não o fazer. E eu acho que tenho dado bem conta do recado. Mas já houve situações que o fiz sim. E aprendi com esses erros. Julgar o outro é fazer de nós pessoas de menos quando o julgamento é um dado adquirido sem factos e sem motivos mais que óbvios. Baseados numa primeira impressão. Num "diz que disse". Numa base de "concordar com a onda". Que grande erro!

Devemos julgar menos e perceber mais que cada um tem a sua história que nunca vamos saber razões e não encontramos todas as respostas. Julgar menos quem tem uma opinião diferente da nossa. Julgar menos a vida de outra pessoa porque desconhecemos o que a move.

Todos nós erramos na vida. Vezes sem conta. E o erro de uma pessoa hoje, pode ser o teu amanhã ou já o teres cometido. E qual a nossa moral para julgar?

O julgamento traz energias negativas. Fecha relacionamentos. Não te acrescenta. De cada vez que estiveres a um passo de o fazer lembra-te:

FB_IMG_1556058495306.jpg

Que este seja um mês sem julgamentos.  De energias positivas.  E de esperança! 🙏❤

13
Fev17

Parabéns [meu] Porto ♥ Melhor Destino Europeu 2017

Maria

O Porto foi mais uma vez eleito como Melhor Destino Europeu 2014 pela European Consumers Choice na competição "European Best Destinations". É um orgulho. Mais uma vez. Sempre um orgulho. Uma cidade de há tanto com muito. Repleta. Tão acolhedora. cada vez mais. Tão aconchegante mesmo em dias cinzentos. Desde o seu povo à comida. Desde a história, dos prédios antigos, das fachadas, das paisagens, do Rio Douro, do mar. Das expressões, da pronuncia tão nossa. Do Tu. Do saber receber. Do fazer com que se sintam em casa. Das luzes, das ruas.

porto

 

ribeira porto

 

[algures na foto ando eu]

 

204.jpg

205.jpg

 Fotografias da minha autoria

[meu] PORTO. Parabéns

Sobre mim

foto do autor

Expressões à moda das “tripas” do Porto!

Espreitem Como eu Blog

Sigam-me

<>

INSTAGRAM

<>

<>

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Sorriso desde 11/02/09

<>

<>

Twita-me

<>

<>

Pesquisar

Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D