Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

SorrisoIncógnito

Todo o sorriso é apaixonante devido ao incógnito que o ofusca! SORRIR_um estado de espírito...

30
Nov18

O que tem em comum carneirinhos, cosméticos e candy crush?

Maria

Insonias claro. E já ca faltava uma crise de insónias.

Quando eu penso que elas realmente se foram, elas acenam e dão o beijo no ombro das invejosas - no meu claro - que só queria que elas fossem para o raio que as parta.

Quem dorme bem provavelmente não entende isto. E não sabe, também provavelmente, a sorte que tem.

Eu não sou a melhor amante do sono, mas assim como toda a gente preciso. Para o bem da minha sanidade mental, do meu bem estar, da minha capacidade no trabalho, para a minha pele, para bem dos que me rodeiam e para não me apetecer a cada cinco minutos me atirar para o chão só naquela de deixar estar quietinha. Preciso de dormir bem. Mesmo no pouco que acho que durmo na maioria das vezes. Mas quando esse pouco é bom, basta. Depois vêm as insónias e baralham esta merda toda cá dentro.

Acordei por volta das quatro e fiquei durante alguns minutos a fechar bem os olhinhos a ver se a coisa se dava de voltar a adormecer mas nada. Fiz todos os malabarismos possíveis,  virei-me para o lado esquerdo para o lado direito, barriga para cima, barriga para baixo e nada. Tudo na mesma linha já que o quarto estava completamente escuro devido a ter fechado muito bem a persiana. Foram uns longos minutos até decidir ir ao wc, não fosse o corpo ter despertado para ir fazer um chichizinho mas o cérebro não ter associado as coisas. Deitei-me e após mais uns longos minutos comecei logo a ver que estava fresca demais para quem vai deitar pro lado e adormecer. Peguei no telemóvel vi novidades ou apenas constatei que estava tudo normalmente a dormir aquela hora. Joguei candy crush, mas aquilo só tem cinco vidas e elas foram-se num instante até que tive que contar carneirinhos. E quando recuperei vidas no candy crush voltei à carga. Voltei a desligar tudo e a olhar pro tecto. E comecei a ouvir a chuva a cair cá fora. E eu sem dormir. E de repente eram cinco e tal e voltei a repetir os processos e nada. Até que, pelas seis e meia da manhã olhei para as horas a última vez antes de aterrar. Às oito estava acordada. Mas em modo lento lentinho. O que me fez sair de casa quase à hora que devia estar a entrar no trabalho (valha-me as horas extras servirem para alguma coisa).

Não estou mal disposta, mas esta noite dormi cerca de quatro horas. E isso explica este modo bem disposto zombie que me encontro. Na verdade não me sinto fresca como uma alface do Lidl, mas sinto que estando na prateleira dos frescos as aparências enganavam. Na verdade por fora a coisa até se dá, a maravilha dos cosméticos, no caso a base ajudou, mas por dentro sinto que estou em cacos, com os astros desalinhados e com o tico e o teco a falar línguas diferentes. Uma balbúrdia portanto.

Ora eis que hoje foi dia de Sr. Doutor e acabei de sair de lá e constatar que ele tomou consciência do meu eu interior, em cacos claro e depois de uns puxões de orelhas devido aos resultados das minhas análises, verificamos que a máquina  está em modo a precisar do fim-de-semana e não só. 

Ainda lhe perguntei: Sr. Doutor explique-me lá os valores completamente disparados a que se deve?

-isso quer dizer que está (a tiroide) muito acelerada lá dentro.

Portanto se calhar percebe-se as insónias. E o aumento de peso, mas tu não estás gorda, diz ele.

22
Mai17

Um batom colorido e um risco preto nos olhos.

Maria

Na verdade, as minhas insónias voltaram. Se é que alguma vez se foram. Mas parece estar de volta uma daquelas fases negras da coisa. Não há pachorra mas elas querem lá bem saber. Acho que desde que estive de férias, fiquei com tudo trocado. Levantei-me sempre cedo e deitei-me sempre tarde. Vim e não consegui aumentar muito mais as minhas horas de sono diárias. No entanto andamos nisto há três semanas, com dias de intenso trabalho e desgaste psicológico que me faz ficar ainda mais cansada mas dormir que é bom nada. E depois isso reflecte-se. Na cara, na pele, no mau humor. Bem tenho que admitir que, no meu caso, acho que quanto mais durmo (e por não ser o normal) mais mal disposta fico.

Este fim de semana foi um caos. De sexta para sábado já cheguei tarde a casa mas depois perdi horas às voltas na cama a levar com aquele silêncio ensurdecedor que me fez acordar com enxaquecas. Voltei a dormir e isso só piorou. Passei um sábado aborrecido. Desmarquei tudo o que tinha em planos e fui deitar-me cedinho. No domingo tinha a corrida da Mulher. Era uma da manhã e eu ainda bem acordada com uma dor de cabeça insistente. Depois começou a má disposição de estar ali deitada à horas e dormir nada. Joguei candy crush até as vidas acabarem. Vi o que havia a dar de jeito na Tv. Fiz zapping quinhentas vezes. Fechei o mais que pude os buracos da persiana. Apreciei o quarto do lado esquerdo, e depois do lado direito, o tecto e andei naquilo horas que me perdi em contar carneirinhos ou o que quer que seja. Eram cinco da manhã e eu sem pregar olho, mandei mensagem às companheiras da corrida a dizer que não ia conseguir ir, estava sem dormir, não ia aguentar. Às sete e meia, hora combinada de saída recebi a mensagem "sempre não vens?". E eu, que ainda estava acordada (!!!) infelizmente tive que falhar. Adormeci por volta das oito da manhã. Às onze e meia estava a tomar o pequeno almoço na cozinha.

Apetecia-me estar rabugenta a bater o pé e a rodar a baiana. Apetecia-me berrar aos céus e perguntar mil porquês, mas andei todo o santo dia numa pasmaceira que ninguém aguenta. Nem eu. Voltei a cair na cama cedo. Vi a gala toda dos globos de ouro. E depois andei a fazer zapping por programas de chacha. Não consigo precisar a que horas adormeci, mas já bem de madrugada. Às oito estava fora da cama.

Comprei um batom novo no fim de semana e dei de caras com ele logo pela manhã. Valeu isso e um risco preto nos olhos.

"Isso é tudo boa disposição a uma segunda-feira?" foi o que ouvi pela manhã.

É isto. Aparências. "Linda e esbelta" por fora, a desfalecer e a sussurrar por uma cama e uma noite bem dormida por dentro.

Mas bem disposta. Sim por incrível que pareça. É segunda-feira e eu estou bem disposta.

14
Mar16

Bom dia!

Maria

segunda.jpg

Um ano depois! Foi um fim de semana no stop! Na sexta uma aula à noite que me atirou ao chão com dores musculares em tudo quanto era sítio, logo ali para começar bem o fim-de-semana. E logo este que era a festa na minha rua. Sem uma hora de sossego, de manhã obrigada a acordar seja com os foguetes, com os bombos, a música ou a fanfarra. Festa na aldeia é assim. E ter festa na rua todo o cenário é este. Dormir zero. Ou pouco vá. No sábado era o jantar das mulheres entre festa, preparativos, cabeleireira acho que antes do jantar já estava cansada. Mesmo assim na loucura saí de casa com uns saltos de doze centímetros para uma girls night out. Superou expectativas e correu tudo muitíssimo bem, sempre a dançar, não desci do salto só mesmo quando cheguei a casa por volta das cinco da matina. E cansadinha de todo admito. Mas não me deitei sem passar pela casa partida aka cozinha. #MariaTexuga é assim. Às nove acordei com os bombos e às dez ali mesmo na festa da minha rua tinha a primeira aula de apresentação de zumba. Confesso estava KO e levantar-me da cama foi quase só com grua e com a professora a chamar pelo meu nome pelo microfone. Tinha que ser e lá fui eu. Difícil aquela hora abrir os olhos, muito mais acertar passos, orientação, equilíbrio e lembrar das coreografias esquecendo "sei o que fizeste na noite anterior". Depois toda a famelga veio à festa, almoço de família em que em vez de descansares um pouco só ficas mais cansada. Às quinze houve nova aula, já mais acordada mas muito mais cansada. Mas valeu pelos sorrisos, pelas dores de pés, pelas palmas, pelas pessoas que se juntaram que aderiram e pelo grupo. Adorei. O resto do dia foi passado ali mesmo, entre família e festa. Hoje quando o alarme toca para acordar só queria mais uns cinco minutos de umas horas. Pareço uma zombie. Com dores em tudo quanto é lado e um sono do tamanho do mundo. Mas depois de acordar já com este "peso" tudo só pode melhorar. E esta segunda-feira vai passar rapidinho. E logo há mais, zumba! E depois cama que eu preciso de umas boas horas de sono. E descanso.

Boa semana!

04
Jan16

Back to work!

Maria

Nada fácil. Volto para o trabalho duas semanas após ter estado de férias para começar um ano novo. Devia vir cheia de energia. Nada a ver. Estou em modo zombie desde que me levantei, eu acho. É segunda, é aquela segunda a seguir às férias. Está um tempo choco, chato, frio, chuvinha até dar dó. Nada ajuda. Confesso de que tenho memória foram as férias que mais dormi. Eu que nem sou de dormir consegui a proeza em um dos dias apesar de ter-me deitado tarde mas só acordei às 13.30h. Quase impensável para mim como quem me conhece sabe. A coisa começou a ficar de tal maneira trocada, que houve dias, ou melhor noites, que até me deitei cedo mas eram cerca das seis da manhã e ainda não tinha aterrado. Esta mesma madrugada depois de um domingo que não saí fora de portas que lá na terrinha estava o pandemónio com chuva, nevoeiro e vento, eram quase quatro da manhã quando devo ter adormecido. Eram sete e meia estava acordada. Três horinhas e meia de sono e queriam que estivesse aqui linda e fofa como uma alface fresquinha? Não dá. E a manhã até que se passou mais ou menos agora a tarde está a dar-me nos nervos. E nos lenços de papel. Grande porra, ainda voltei constipada. E cheia de alergias. Nada ajuda. E o vendaval que tem ido lá fora?

Resumindo está um dia bem bom para estar no ronhonhó, mas não me posso queixar. Começo o ano a trabalhar E ainda tinha cá à minha espera umas garrafas de tinto maduro oferecidas por um fornecedor que mesmo estando já de férias não se esqueceu de mim.

Ver o lado positivo, sempre!

23
Set15

Há coisas que me fazem espécie…#18

Maria

Acordar às 7.30h com o telemóvel do trabalho a tocar. Entro às nove. Ninguém merece. Estupor de um raio que me ligou aquela hora. Dá para processar com um "invasão de privacidade sonora a horas impróprias"?

Devia ter um alerta tal como há para as chamadas que vão para o voicemail ou para aqueles que passam a ser de outra rede. Do género "A pessoa para a qual vai ligar só se encontra disponível a partir das nove, tente mais tarde".

Agradecida.

03
Mar15

Insónias*

Maria

O silêncio sussurra-te lembranças. E torna-se ensurdecedor. Pegas em três coisas, fazes outras quatro, ocupas a cabeça com outras tantas e a coisa dá-se. E sorris. Maravilha. Depois fechas os olhos. Não mandas e o sono prega-te uma rasteira.

* Rais' que as parta pá.

Sobre mim

foto do autor

Espreitem Como eu Blog

Expressões à moda das “tripas” do Porto!

Sigam-me

<>

INSTAGRAM

<>

<>

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Sorriso desde 11/02/09

<>

<>

Twita-me

<>

<>

Pesquisar

Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D