Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

SorrisoIncógnito

Todo o sorriso é apaixonante devido ao incógnito que o ofusca! SORRIR_um estado de espírito...

12
Dez17

Serviços de apoio ao cliente - aquela treta do costume.

Maria

Eu sou uma pessoa que não fixa muito as coisas, muito menos nomes quando não estão associados a caras. Dou apenas o nome da empresa pela qual vou demonstrar uma situação pela qual acabei de passar. Dar a minha opinião, o meu desabafo e fazer valer a velha máxima de que não se pode falar de uma empresa no geral quando há um ou outro colaborador que não presta. Entenda-se pelo "que não presta" por, não faz bem o seu trabalho, dá más informações pondo em causa terceiros que não têm nada a ver com isso.

Adiante.

Tive um problema gigante com a vodafone hoje devido à internet. Gigante pelo transtorno causado. Pela demora na resolução do problema. Por ter sido eu a dizer "olhe não será isto...". Por falar com tanta gente e todos terem falhado a questão.

Não me atirem a primeira pedra a dizer "ah se calhar está lá à pouco tempo", ou mesmo "não sabes o que é trabalhar num "call center", ou mesmo "tu não te deves ter explicado bem".... trinta por oito não faço a mínima, mas quando ligo para um serviço de apoio ao cliente, quero apenas e só que me resolvam um problema e acreditem tento sempre dar as informações mais precisas para ajudar.

Ora, tratou-se de não ter acesso à internet. A primeira pessoa com quem falei, depois de vários testes, disse-me que era problema técnico de router ia passar para outra equipa e eu seria contactada.

Horas depois e como não fui contactada, volto a ligar. Outro colega disse-me que estavam a fazer testes, ainda não sabiam o que era, contactavam de seguida. Nada feito volto a ligar e dou a possibilidade de me terem barrado por ter atingido um limite (que não devia ter) - disseram-me que não era esse o problema.

Depois de tantas horas, uma empresa, não pode continuar sem respostas assim.

Liguei para o gestor de conta. Contei a situação. Disse - não pode ser. Não podes ter barramento. Liga diz-lhes que esse barramento é por defeito tens direito ao dobro.

Liguei novamente para o apoio ao cliente, falei com mais dois ou três operadores, a resposta foi a mesma, até que, passaram para uma senhora, muito educada e que pensava três vezes antes de falar (quando eu já não estava com a paciência nos mínimos) que me diz seca e directa algo do género: "Não tem direito. O barramento é porque não tem direito a mais. Verifiquei mais que uma vez, para ter direito a mais tem que ter uma série de outros serviços associados e não tem". Desculpe mas tenho. - referindo a vários números associados com net móvel. "olhe fale com quem lhe fez o contrato porque de facto informou-a mal, se quiser tiro-lhe o barramento mas tem custos associados".

Foi aqui, neste momento que não gostei dela. Sinceramente. Foi neste preciso momento que ela mais ou menos me quis dizer que quem me fez o tarifário disse-me uma coisa, mas era outra, que confiando em quem mo fez, vi que ela, ou não percebia nada do que estava ali a fazer, ou despachou, ou informou-se mal. Ou não sei. 

Liguei ao gestor.

"Maria é impossível, ela está a informa-la mal, mas para não estar mais tempo sem net, ligue para lá, mande retirar o barramento, que eu já vou tratar disso com quem de direito e depois credito-lhe o valor do custo."

Fiz exactamente o que me disse. Voltei a ligar para o apoio, atendeu-me um senhor muito simpático, resumidamente e já farta deste fala com este e aquele, disse para me retirar o barramento.

"Espere deixe-me só verificar uma situação"... passando uns segundos "não sei bem o que se passou aqui, mas a informação que tem está correctíssima, tem direito ao dobro e não se percebe porque tem aqui este barramento, já vou proceder à alteração sem custos e daqui a pouco já tem internet. Ou melhor já finalizei o processo e para eu ficar mais descansado, em linha, proceda agora a ver se já tem acesso".

Sim senhor tudo nos conformes. Ao que se limitou a dizer "peço imensa desculpa mais uma vez pelas informações dadas anteriormente mas realmente tem todo o direito".

...

...

Num primeira impressão e à moda do Norte era manda-los para o car@lho, mas não podem todos pagar pelo mesmo. No entanto depois de ter falado com uns seis ou sete colaborados diferentes a dizer-me o mesmo e vem alguém e finalmente resolve a situação - passado horas - só devo dizer que se ganham todos o mesmo está mal. Há gente incompetente e há gente que faz bem o seu trabalho. Numa empresa há que fazer diferenças. No meu julgamento também as fiz.

Há coisas que me revoltam.

2 comentários

Comentar post

Sobre mim

foto do autor

Espreitem Como eu Blog

Sigam-me

<>

INSTAGRAM

<>

<>

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Sorriso desde 11/02/09

<>

<>

Twita-me

<>

<>

Pesquisar

Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D