Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

SorrisoIncógnito

Todo o sorriso é apaixonante devido ao incógnito que o ofusca! SORRIR_um estado de espírito...

08
Fev22

Sangue precisa-se.

Maria

Eu sou aquela pessoa que ainda acredita na condição humana. Parva que sou, tantas vezes. Desculpem-me os mais sensíveis. Mas... eu gostaria de acreditar que podia ser feito algo para combater a estupidez, mas também sei, que na maioria dos casos, haveria negação de quem teria mesmo que se disponibilizar ao tratamento. Vidas...

Isto para desabafar um pouco sobre tamanha estupidez que se lê por essa internet fora e confesso, tem muitas vezes que preferia voltar ao "tempo dos Afonsinhos" e não ter acesso à internet para não chegar à conclusão que certos seres existem e têm também eles acesso à internet. Uma pena.

Ora, há notícias que suscitam a minha curiosidade e ao ir ler, também tenho uma tendência (parva eu sei) de ler comentários à mesma, principalmente quando acho que as notícias são importantes. E deparo-me imensas vezes com pessoas que só podem ser umas frustradas e sem sentido de vida que vão aos comentários deixar a sua raiva pessoal.

Ora, um dia destes deparei-me mais uma vez com uma notícia sobre a escassez de dadores de sangue nesta altura e de como o sangue da reserva nacional está a ficar escasso e a atingir níveis demasiado baixos... e a mesma dizia que "pessoas que são vacinadas só precisam esperar sete dias após a toma para poderem doar sangue". Ora por acaso interessei-me pela mesma, porque quero dar sangue, como dadora que sou, e tomei há poucos dias a dose de reforço então fui ler o artigo/notícia. Qual não foi o meu espanto que a maior parte dos comentários são sobre pessoas que não quiseram ser vacinadas e não querem receber sangue de pessoas vacinadas.

Atenção isto não tem nada a ver com eu concordar ou não em quem quer ou não ser vacinado. Nada disso. Acho que cada um é legítimo de ter a sua escolha. Mas...

Não sei se me senti parva eu quando procurei ler algo que me esclarecesse sobre quando é que posso voltar a dar sangue, se são as pessoas que não se importam sequer como estão os níveis de doações e reservas, mas importam-se em querer clarificar se é possível esclarecer de quem recebem. Fiquei incrédula com aqueles comentários.

Esto tipo de gente acredito são pessoas que não sabem o que é o acto de doar sangue. E espero que nunca precisem de o receber. É bom sinal. Caso contrário, vai ser só parvo eu sentir que há pessoas estúpidas ao ponto de não saberem o que é este acto, e que se se interessassem e se o fizessem, ponderavam em ser pessoas mais abertas, mais dadas ao próximo, com valores, com gratidão por ajudar sem saber a quem, por dar sem esperar receber. Mas o acto de doar não está, de facto, ao alcance de muitas pessoas.

Saibam mais sobre doar sangue em www.ipst.pt

4 comentários

Comentar post

Sobre mim

foto do autor

Espreitem Como eu Blog

Expressões à moda das “tripas” do Porto!

Sigam-me

<>

<>

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Twita-me

<>

<>

Pesquisar

Arquivo

    1. 2022
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2021
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D

Em destaque no SAPO Blogs
pub