Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

SorrisoIncógnito

Todo o sorriso é apaixonante devido ao incógnito que o ofusca! SORRIR_um estado de espírito...

21
Fev14

FCPorto x Eintracht Frankfurt (2-2)

Maria

Não andamos em tempos de glória. Muito pelo contrário. Portista agarrada que sou, sinto-me desmotivada, um tanto ao quanto cuidadosa, quando em pleno jogo marcam um golo e eu efusivamente comemorava, agora tenho medo, muito medo, do que vem a seguir. Passamos um jogo sempre a pensar é agora que os outros nos vão lixar, certinho. Não é não confiar nos nossos jogadores, é não estar à vontadinha. E eu sei o que é estar à vontadinha com o meu FCP carago e não, não passa por isto a que temos assistido. Fico confusa, quase tanto como o Paulo Fonseca, e não sei bem de onde vêm as culpas. O Pinto da Costa reflecte na sua equipa o facto de não estar para as curvas como nos habituou, é certo, mas continua com o pulso forte que sempre nos presenteou, e podemos estar às portas da morte que se há quem acredite no FCP é ele. Não podia ser diferente e não o é. Depois temos um treinador que parece que está sempre na sombra de tudo, incluindo das derrotas, dos maus feitos, das discordâncias, do adjunto, de tudo. E isso Paulinho não pode acontecer. No FCPorto, à frente como treinador, tem que estar alguém que acredite tanto ou mais que o Presidente e que, possa estar mesmo a cair ao poço e mesmo assim tenha garra para dizer “estou mais vivo que morto” e não, não é essa atitude de quase a borrar as calças com que tem aparecido em publico aquando está em campo. E os jogadores… bem eles (e nestes casos, mesmo havendo excepções por um pagam todos) também têm a culpa, porque o meu patrão até pode ser um imbecil mas se eu não souber o que estou a fazer fico tão imbecil quanto ele. E convenhamos falta ali quelque chose. Há um je ne sais quoi que anda a faltar-me como as notas de 500€. E isso para mal dos meus pequenos apoquenta-me os nervos. Do ontem, a proporção da sensação do fantástico golo do Quaresma foi igual à rápida reviravolta ao resultado que os alemães conseguiram, em mau. O Varela, que tocou cá dentro, que tanto marca um golo como veio defender a baliza ao ataque dos outros, saiu com cara de cachorro sem dono depois de mostrar ser fiel. Isto desanima-me a mim quanto mais aos jogadores. Pior que o resultado ser o empate em casa a dois golos, é o facto de termos estado a ganhar por dois e andar a encolher o rabinho no final para eles não marcarem um terceiro e assim vencerem. A desmotivação é a pior ferramenta de trabalho. Falta-nos o jogador em campo que imponha respeito, calma, pulso, garra e que mal receba a bola saiba falar sem palavras tendo mão em todos os outros. O Lucho era isso. O Helton também o é, mas não se pode pedir isso a um guarda-redes.

2 comentários

Comentar post

Sobre mim

foto do autor

Espreitem Como eu Blog

Expressões à moda das “tripas” do Porto!

Sigam-me

<>

<>

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Sorriso desde 11/02/09

<>

<>

Twita-me

<>

<>

Pesquisar

Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D