Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

SorrisoIncógnito

Todo o sorriso é apaixonante devido ao incógnito que o ofusca! SORRIR_um estado de espírito...

29
Jan21

Vai uma ajuda?

Maria

Como sabem há uns dias fiz anos e por norma costumo oferecer algo de mim para mim. Ora pois claro, também mereço e sou filha de Deus!

Como está tudo fechado e na verdade não me lembro de ir a uma loja, há que nos virar para a internet e compras online. Acho que neste último ano, todos nos habituamos mais isso. Assim de repente não tenho nada que precise (sem falar na parte de mudar de carro ou tentar comprar um T0 sem vender um rim) ou que me esteja a fazer muita falta mas... (há sempre um mas...) calçado nunca é demais para quem tem todos os dias que pensar no que vai usar. E isto de calçado é tipo a roupa, "tanto calçado mas nada para calçar".

Andei a espreitar a EscapeShoes até porque alguns saldos estão a acabar e os tamanhos também estão pela hora do já foste.

E gostaria de contar com a vossa ajuda, visto que estou ali indecisa entre as sapatilhas da Ruika lindas de morrer e umas galochas que não tenho nenhumas e são sempre um must-have!

Escapeshoes

 

Qual escolheriam?

Ou se espreitaram o site, qual o modelo que vos ficou no olho?

Se tiverem interesse, não se esqueçam de subscrever a newsletter deles e assim estão sempre a par das novidades (e descontos!).

Aproveitem e ajudem-me lá, deixando a vossa opinião!

[PUB]

22
Jan21

Happy Birthday ❤

Maria

Aniversário

 

TO ME ♥

Isto tem passado num piscar de olhos e agora é sempre a subir a este ritmo, é o estar ali a meio pau para os entas e a superar o "no ponto" dos trintas, eu espero.

É continuar a gostar muito de mim. A limar os defeitos, aceitá-los e a corrigir o que dá e a acreditar nas qualidades. A orgulhar-me da pessoa que sou, da filha e irmã que tenho sido, da madrinha e da amiga que sou. A querer sempre ser uma pessoa melhor. E a lutar por isso todos os dias. A continuar a ser uma #MariaTexuga sem emenda depois de me alertarem que a vida é só uma e tamanhos de roupa há muitos! E o básico de tanta roupa e nada para vestir continuar igual. Sinto-me cada vez mais feminina, mulher de rugas e expressões, sorrisos e experiências que a vida traz. Resolvida. Sinto-me resolvida. Em paz mesmo com um turbilhão sempre a acontecer à volta e eu com o melhor dos sorrisos como outfit diário.

Nunca pensei chegar ao meu aniversário e não poder comemorá-lo com pelo menos aqueles que quase sempre foi. Mas a vida agora, neste momento está assim e é aceitar. Aceitar e agradecer por estar tudo bem, agora, comigo e com os meus mais próximos.

Com certeza quando tudo isto passar vamos conseguir juntar-nos à volta da mesa e fazer o que realmente importa nestes dias. Estar juntos. Até lá contamos os dias.

Que este seja um bom ano e que venham muitos mais que eu cá aguento! Muita saúde que o resto vem!

Gosto de fazer anos. Gosto de comemorar estar aqui. Eles passam? Sim. Eu vivo! ❤

De coração cheio e com muitos sorrisos!

Gosto [-me].

Esta sou eu - "olha-me aquela trintona". Oh yeah! It's me and I'm ok about that! - é como já tenho dito aqui, mais ou menos isto. Sentido. Em bom! 

Parabéns para mim! 🎂

20
Jan21

Quase, quase a fazer anos...

Maria

IMG_20210105_154748_661.jpg

 

Daqui a poucos dias é o meu dia de aniversário. E eu gosto muito de fazer anos. Nem vou por balanços que ficava depré em três tempos. O nosso aniversário é mais que isso. E além de esperar sempre que seja um dia fantástico, nesta altura, nunca pensei olhar para o meu aniversário sem o poder comemorar com os meus, mais restritos pelo menos. Por aqueles que por norma, partilham a minha mesa de aniversário em casa. Este ano nem isso será. E sinceramente, lá dentro custa-me imenso, mas eu sei que será para adiar aquele jantar que poderá ser feito em tempos mais seguros. Mas continuo a afirmar, aos trinta e tal cada vez mais o que gosto e o que não gosto. Porque não "papo grupos" e não ando cá para fazer favores a ninguém... quem gosta gosta e quem não gosta não sabe o que perde com esse mau gosto :)

Eu cá, continuo a gostar cada vez mais e só de pessoas bem dispostas. Boa onda. De boas energias. Não gosto de pessoas sisudas. Gosto de pessoas de sorrisos. Abertos. São sempre mais bonitas. Não gosto de pessoas negativas (se bem que nos ultimos meses nunca ouvi tanto o querer estar negativa ao Covid!). Que não vêem a luz ao fundo do túnel e são descrentes.

Continuo a gostar muito de Licor Beirão, de After Eight e do [meu] F.C. Porto. Não gosto de distâncias e sabe Deus o que estou a passar pelo distanciamento social com os que me são mais próximos, mas tem que ser. Cada vez suporto menos a saudade mesmo que a traga todos os dias ao peito. Gosto de pessoas que assumem falhar. Não que venham à partida já para falharem, mas de pessoas que ao magoarem, assumem o que fazem. Continuo a gostar de pessoas que me conhecem às dez da manhã, cinco da tarde e onze da noite. Aqui e acolá. Sozinhas ou acompanhadas. Gosto (muito) de dançar, apesar de dançar cada vez menos que o que gostaria. Amo os meus. Assim de muito Amor mesmo! Gosto dos meus Amigos. Muito. Gosto dos poucos mas bons amigos que tenho. Cada vez irrito-me mais com pessoas mal educadas, mal intencionadas. Não tenho paciência. Gosto de pessoas que se dão, que se importam, que fazem por estar. Gosto cada vez mais de café sem açucar (quem diria). Gosto de noitadas caseiras com os amigos. Gosto mais de sapatilhas que em todos os "vintes". Os 30 já foram e continuo a gostar muito do meu cabelo comprido sem coragem para o cortar. Começo a ter saudades das minhas aulas de fitness. Babo-me com o sorriso do meu sobrinho, amo-o de coração. Gosto do pôr-do-sol. Da cidade do Porto. Gosto das minhas sobrinhas emprestadas. Das minhas afilhadas mais fofas. Tenho muitas saudades do mano e as distâncias são mesmo uma merd@! Não gosto da falta de trabalho. Gosto de sentir a Madeira e tenho-lhe imensas saudades e não vejo a hora de voltar. Não gosto de me inspirar quando o meu estado de alma não é dos melhores, mas continuo a admitir que é quando saem os melhores textos. Gosto das minhas melhores amizades. Gosto do frio na barriga das alturas. Gosto de barba de três dias. Gosto de ir ao cinema mas nem me lembra quando foi a última vez. Continuo a gostar de rapar a massa de bolos. Não gosto de conduzir em dias de chuva. Gosto de jantaradas. De boas conversas. De gargalhadas. Gosto de gomas. Não gosto de pessoas que falam muito dos outros. Que julgam apenas pelo que ouvem. Gosto do meu blog. De escrever. Muito! De pessoas que me trouxe. Desta partilha. Não gosto que se achem superiores. Não gosto de quem brinca com os sentimentos dos outros. Não gosto de pessoas mal amadas. Continuo a não gostar de nabos e repolho e grelos e…quase tudo o que é verde. Gosto de pessoas felizes. Pessoas felizes não se metem na vida dos outros. Gosto de caipi black. E de verão nada me sabe melhor para beber. Não gosto de andar sozinha. Não gosto de ir às compras sozinha. Não gosto de passear sozinha. Gosto de pessoas que não são impostas. Quando não dou resposta a alguém não vale a pena insistir. Amo os meus pais e adoro leva-los comigo para todo o lado. Gosto muito do verão mas também gosto das folhas caídas no chão e das cores do Outono. Não gosto do frio. Não sou do frio. Mas mil vezes frio a chuva e nevoeiro. Gosto de Gin de frutos vermelhos com 7'Up. Gosto de pessoas que trouxe para a minha família mas não gosto de todos que são da minha família. Continuo a gostar muito de ovo estrelado no pão. Gosto quando as pessoas usam comigo a expressão "tão eu". Gosto de lareiras e um copo de vinho tinto maduro. Continuo a não gostar de whisky. Gosto de vestidos e saltos altos, de malas, relógios e anéis. Adoro anéis. Não gosto da minha cor lula deslavada de inverno. Gosto do calor. Sou muito mais do calor. Da minha pele no verão. De unhas pintadas. Continuo a panicar com dentistas e trovoada. Gosto de cães. Continuo a ter trauma por gatos. Gosto daquele [meu] lugar à beira rio plantado. Gosto de bolo do caco e poncha de maracujá sem gelo. Gosto de camisas brancas e vestidos pretos. Não gosto de despedidas. Gosto muito de fazer brindes. Não gosto de limonada. Continuo a gostar do meu corpo, mesmo com o que o tempo me trouxe, as rugas, a flacidez, a celulite e os quilos a mais. Gosto de futebol, de gelados no inverno e de beijos na boca. Gosto de fotografias a preto e branco. Não gosto de ir à cabeleireira. Gosto de dar sangue. Gosto de Morenos. Gosto das amigas que me ligam às duas da manhã para dizer que conheceram “O” e me fazerem rir de sono à gargalhada. Gosto da #MAriaTexuga que sou. Continuo a gostar muito de comer. Amo comer. Daqueles "ajuntamentos" à mesa. Não estou por estar. Não vou por ir. Gosto de pessoas de opinião própria. De pessoas que se conseguem rir delas próprias. Gostar mesmo, gosto de pessoas que se dão num todo para muito tempo. Inteiras. As metades não prestam. Com o tempo acabam por se desfazerem. Desiludem-me. Deixei de fazer fretes. De acreditar em quem já desiludiu. De correr atrás de quem não anda para a frente. Gosto de abraços sentidos. Cada vez mais, mesmo sendo eles, cada vez menos. Gosto de quando me apetece. Gosto de ronhonhó. Gosto de seguir a minha vontade. De não ir a favor da corrente. Mas de ir. Com a certeza de que é aquilo que quero.  Gosto de tomar conta das minhas pequenas lá em casa. Gosto de estar em casa, mesmo parecendo que já não conheço outros sítios sem ser casa e trabalho! Gosto de ser reservada. Mas enervo-me tantas vezes por o ser pois nem sempre dá jeito. Não gosto de muros. Gosto da capacidade de me rir de mim própria. Gosto do meu humor. Da criança que alimento em mim. E até do meu mau feitio que vem de um coração mole com pimenta no nariz. Gosto de partilhar. Sorrisos. Gosto da pessoa que sou. Gosto [-me].

E este ultimo ano não consegui tanto apreciar os meus gostos por um bem maior, a minha saúde e a do próximo, mas isto vai lá.

Esta sou eu - "olha-me aquela trintona". Oh yeah! It's me and I'm ok about that! - é mais ou menos isto. Sentido. Em bom! 

16
Jan21

A minha rua é melhor que a tua #11

Maria

IMG_20210116_142918_035.jpg

 

12:45h toca a campanhia. Uma vizinha e isto ❤

O ser humano ainda tem muito que aprender. E eu sei que nem todos sabem o que é ter vizinhos que viram família. Mas há pessoas do bem. E o bom que é tê-los perto!

Eu sei que muitos não sabem sequer o que isto é. Mas é isto que me faz gostar tanto de viver aqui. A minha rua é melhor que a tua. É isso.

15
Jan21

O melhor de 2020

Maria

Eu sei que 2020 já lá vai, mas não posso deixar de escrever este post, até porque não o consegui escrever antes, mas... já há uns anos, ainda do tempo do "inspira-me" dos Blogs do Sapo, que este post também é um hábito.

No ano de 2020, é inevitável não ter sido afectado de forma negativa pelo vírus, mas, e logo eu, tento ver sempre o melhor de... e é isso que vou partilhar. Destaco o melhor de 2020 com pequenos ajustes a pontos que destaquei em anos anteriores:

 

  1. Um momento:

No dia em que a minha Mãe foi operada. Correu tudo bem. Mas esta pandemia meteu tudo do avesso e foram tempos difíceis. Dias no hospital com poucas informações, sem visitas e notícias diárias que te abalroam sobre o vírus em plena vaga de inúmeros casos e mortes.

 

  1. Um lugar:

A Madeira.

Voltei num ano que pensei não ser possível e numa decisão rápida e sem pensar muito para dez dias espectaculares!

IMG_20200825_235616_646.jpg

 

  1. Um mês:

Agosto -  Agosto continua a ser uma loucura! Absorvi-o. É a família. As férias.  Os encontros e reencontros, ainda que tenha sido tudo muito em segurança. E graças a Deus correu tudo bem.

 

  1. As férias:

IMG_20200922_214211_127.jpg

Madeira claro. Com teste Covid-19 feito e negativo. Foram dez dias bem aproveitados. Voltei a sítios que já costumo ir. Visitei novos e voltei a sítios cuja primeira vez já tinham passado mais ou menos doze anos. Fiz a minha primeira levada - Levada do Risco e Levada das 25 fontes. Fui ver os golfinhos. Assisti ao Pôr-do-sol no Areeiro. Aproveitei bem a minha Poncha, comi bolo do Caco! Foram umas óptimas férias. Já com obrigatoriedade de uso de máscara na rua, bem diferente no continente.

 

  1. O post mais lido de 2020:

Expressões à Porto.png

 

Expressões à moda das "tripas" do Porto!

É o post mais lido de sempre e sempre. Um post já de 2013, mas que apaguei sem querer e voltei a publicar em 2016, em actualização, que está todos os meses no top dos mais lidos. Por consequência o post mais lido de todos os anos. Este ano não foi excepção assim como constatei no relatório anual enviado pela equipa do sapo blogs.

 

     6. O post de terceiros que veio parar aos favoritos:

"Nascer em tempos de Covid" pel'A Mami. 

 

     7. O trabalho:

Ter completado 13 anos de trabalho na empresa. Não foi fácil, continua a não ser fácil, mas estamos cá para seguir caminho, até onde der.  Até onde eu me conseguir sentir bem apesar dos esforços, dos dias não e dos que nos fazem saltar a tampa. Porque há muitos dias sim, há bons colegas de trabalho e há bom ambiente. Há boas equipas de trabalho e nós somos uma delas e este ano apesar dos pesares e de ser um ano quase geral menos bom, houve muito empenho, sacrifício mas também de conquista e de vitórias. Estou orgulhosa do que conseguimos aguentar. E não posso esquecer que estive duas vezes em teletrabalho coisa que nunca pensei na vida fazer! 

 

 8. O BLOG:

Este cantinho fez em Fevereiro 11 anos. 11 anos! O que quer dizer que está quase a fazer mais um :)

OBRIGADA ❤

Sobre mim

foto do autor

Espreitem Como eu Blog

Expressões à moda das “tripas” do Porto!

Sigam-me

<>

<>

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Twita-me

<>

<>

Pesquisar

Arquivo

    1. 2021
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D

subscrever feeds

Em destaque no SAPO Blogs
pub