Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

SorrisoIncógnito

Todo o sorriso é apaixonante devido ao incógnito que o ofusca! SORRIR_um estado de espírito...

28
Jun19

Cafarnaum - "Prepare-se para ficar perplexo"

Maria

 

Há muito que não via um filme tão forte em termos emocionais, psicológicos e com aquele murro no estômago de uma realidade que existe. Que nós sabemos que existe. Mas que no fundo, não sabemos o quão má, podre, desconcertante, desgastante, imoralmente real, triste, dolorosa, atordoante, impensável  e infeliz pode ser essa realidade.

"Em tribunal, decidido a processar os próprios pais, Zain de 12 anos, pergunta por que é que eles o trouxeram ao mundo se não tinham condições, emocionais ou económicas, para cuidar dele. Em retrospectiva, num cenário de devastação e pobreza algures no Líbano, é revelada a sua história e as razões que o trouxeram ali.
Em competição pela Palma de Ouro no Festival de Cinema de Cannes (onde mereceu uma ovação de pé e o Prémio do Júri), um filme dramático com assinatura da realizadora libanesa Nadine Labaki ("Caramel", "E Agora, Onde Vamos?"), nomeado para o Óscar de Melhor Filme Estrangeiro. No elenco participam Zain Al Rafeea, Yordanos Shiferaw, Boluwatife Treasure Bankole, Kawthar Al Haddad, Fadi Kamel Youssef, Cedra Izam, Alaa Chouchnieh e também a própria Nadine Labaki."

 

 

Pobreza extrema. É a lei do desenrasca a fazer valer-se por si. É o não ter condições nenhumas. É o fazer o possível (e impossível) para tentar sobreviver sem saber o que na realidade deve ser viver. Surge um miúdo que de uma forma arrebatadora luta por alguma dignidade dos direitos humanos numa família que não tem a base para lhe educar sequer isso. Mas que ele não parece fruto da não educação que lhe deram. Que faz acreditar que há pessoas que têm um coração do caraças mesmo quando não têm nada, mas querem fazer ainda a diferença. E isto vindo de um miúdo é de partir o coração.

É assim que se fiquei no fim do filme. Arrebatada com tremendo aperto por uma história tão atordoante.

Este miúdo Zain, merece o melhor prémio pela desgastante personagem que faz. E sempre no melhor. Fantástico trabalho. Com expressões que nos tocam mesmo.

Valeu bem a pena.

27
Jun19

Matilde, uma bebé especial

Maria

 

"Olá,

Eu sou a Matilde tenho 2 meses e sou uma bebé especial, tenho um mano o Rodrigo que tem 18 meses e uma mana crescida a Thaís que já tem 11 anos!
Com 1 mês e 2 semanas, foi-me diagnosticada uma doença rara Atrofia Muscular Espinhal - AME Tipo I, a forma mais grave da doença."
 
É assim apresentada na sua página de facebook, a Matilde que precisa o mais urgente possível de um tratamento que existe apenas nos EUA já aprovado mas cujo medicamento ascende ao absurdo valor de dois milhões de euros. É só o medicamento mais caro do mundo, mas com ele podem deixar de ter o destino traçado.
A Matilde é a prova de que as aparências enganam. Aos nossos olhos, uma menina tão bonita, tão expressiva, de olho arregalado tem uma doença muito grave com um destino traçado se não nos juntarmos com o que pudermos. Dois meses de vida caramba!
Já pensaram se todos conseguíssemos dar 1€ que seja? Que tantas vezes desperdiçamos em chicletes, rebuçados, ou naquele doce que corremos a fazer exercício para ele desaparecer do nosso corpo? E é aqui que me torço toda quando me lembro que há arrumadores por exemplo com tão bom corpo para trabalhar e nós lhes damos dinheiro e viramos a cara sem doar um euro que seja a casos como os da Matilde.
O que conseguirem contribuam e passem a palavra. Hoje é a Matilde, amanhã poderá ser por um de nós.
Eu acabei de contribuir com aquilo que posso. O IBAN está acima na imagem e na página dela. E vocês?
Passem a palavra!
Muita Força 
18
Jun19

É por estas e por outras que o meu blog vale a pena.

Maria

 

Apesar de continuar a não ser dada a essas coisas, mesmo depois de já ter tido experiências positivas. Conheci este fim-se-semana, muito por acaso, uma pessoa que contactei pela primeira vez através do blog. A Marta. Já falo com ela há imenso tempo, do tempo que também ela não dava a cara nem o nome. E nem consigo dizer há quanto tempo a sigo, como sei que já me segue também há muito.

A vantagem de quem dá a cara é que pode ser reconhecida. Aqui ou ali. Quem não dá, como no meu caso, ninguém te vai reconhecer quase de certeza. Eu podia ter passado por ela e ela nem ficava a saber que no dia anterior era comigo que estava a trocar mensagens. Mas assim que a vi, com aquelas primeiras dúvidas passageiras "será ou não será" fui ter com ela e disse eu sou a Maria. Foi giro. Eu, meia tímida, não é fácil aproximar-me assim, mas neste caso é como se já a conhecesse há muito, porque não o fazer?

Já me aconteceu ver ao longe a S* num shopping e não conseguir naquela altura ir ter com ela para a conhecer pessoalmente. Nunca sei se as pessoas gostam disso ou não. Eu não me importaria que me reconhecessem em algum lado e me dissessem "olha eu gosto de te ler" "já te sigo algum tempo"... mas nunca se sabe do outro lado.

E um blog é também isto, apesar de não ter dado para grandes conversas, gostei de te conhecer Marta!

**

E vocês? Já conheceram ao vivo e a cores pessoas que o primeiro contacto tenha sido pela internet? Em blogs, em sites, nas redes sociais, em chats? Experiência boa ou má?

14
Jun19

Descomplica!

Maria

89.  Descomplica.png

 

Isto são uns segundos de vida da qual  segundos gastamos a complicar o desnecessário. Passamos demasiado tempo em busca de algo quando não aproveitamos o que temos nem lhe damos o devido valor. Moemos a cabeça com imensas perguntas e depois nem damos valor às respostas. Que por vezes estão tão ali à nossa frente. Se tudo parece fácil é porque algo está mal e isto tem que ter outro reverso da moeda.

Passamos tempo a acreditar que as coisas melhores estão por vir. Que isto chega a uma altura que descomplica e deixa de estar tão cinzento. Quando fomos nós, na maior parte das vezes a complicar o simples.

As pessoas queixam-se mais, que o tempo que perdem a agradecer. Pedem muito e continuam sempre a agradecer pouco.

Continuamos a gastar tempo com aquilo que não nos acrescenta mesmo nas vezes que dizemos que não vamos perder esse tempo. Já foi.

Passamos o dia a correr, sem ter tempo para tanta coisa e no fim desperdiçamos o dia. Não paramos para olhar mais à nossa volta. Atendemos telefonemas no corre corre, não paramos para desfrutar da conversa. E não devolvemos chamadas porque nos esquecemos que alguém ligou. Talvez três dias depois e aí já nos penalizamos por nos termos esquecido e volta a passar. Mandamos as mensagens mais directas possíveis e até com os amigos esquecemos de relembrar o quanto gostamos daquela amizade. E precisamos.

Complicamos com a resposta "havemos de combinar".

A verdade é essa, precisamos de qualidade de tempo, e desperdiçamos o pouco tempo que temos a complicar.

Teremos nós, sempre, tempo de descomplicar?

11
Jun19

Faceweek*

Maria

IMG_20190611_134037.jpg

IMG_20190611_133741.jpg

Aqui ficam alguns looks que usei na semana passada. De peças novas apenas as calças verdes da @H&M, iguais a umas pretas e brancas que por acaso estou a usar hoje (podem ver no instagram) e que já tenho do ano passado e que são super confortáveis para estes dias. O top branco de alças, mais básico não há que dão sempre imenso jeito e mais uma t-shirt com mensagens que também é das ultimas compradas. As temperaturas baixaram ao longo da semana daí a passar de um top de alças a botins e botas no final da semana. Aquelas temperaturas maradas que nos põem também marados.

20190607_205001.jpg

Comecei as minhas caminhadas. Que sempre faço quando muda a hora, no entanto com um mês de atraso porque durante o mês de Maio não dava. Com Junho vieram elas à noite e por entre cinco quilómetros de caminhada tirei essa fotografia fantástica de um bom final de tarde antes do fim-de-semana prolongado.

Consegui estragar os resultados da semana com idas ao Mac com as miúdas, arroz de cabidela e assados no forno no fim-de-semana. Completamente.

E aqueles petiscos enquanto assisti ao jogo da final da Liga das Nações também não ajudaram. Uma #MariaTexuga com hábitos enraizados que estão a ser difíceis de dar a volta a ver se perco um pouco do grande peso que ganhei.

IMG_20190607_221122_962.jpg

O pormenor da ultima manicure feita! Verniz que adoro da @Andreia nº H19 Hibridgel!

Podem sempre acompanhar todas as novidades: 

10
Jun19

Viva PORTUGAL!

Maria

FB_IMG_1560116166333.jpg

 

Portugal faz vibrar toda uma nação.  E é tão bonito quando vibramos todos do mesmo lado!

Ontem voltei a ter a bandeira na varanda e a esperança no coração. E foi lindo de ver, ainda para mais no Dragão cheio. 

A equipa foi bem escolhida a meu ver e gostei do jogo. Jogaram bem. Passes assertivos, bom desempenho e ocupação dos espaços.  Uma defesa bem consistente. Um jogo bem mais fluído da parte de Portugal que no jogo anterior. O Guedes, não só por ter feito o golo fantástico que nos deu a vitória, mas esteve sempre bem, na segurança de jogo e na rapidez de levar o jogo para a frente. Rúben Dias muito bem, grande jogo. Danilo e William no melhor. Bernardo Silva a dar tudo. Ronaldo apesar se não ter feito nenhum golo esteve bem mesmo a vir buscar jogo que o faz cada vez mais. 

Parabéns miúdos e Obrigada.

Parabéns PORTUGAL  é a primeira taça da primeira Liga das Nações e esta é  NOSSA ❤🇵🇹

Foi ontem mas podia muito bem ser hoje que é dia de PORTUGAL.  O futebol é das coisas que mais alegria traz aos portugueses que gostam. Onde esquecemos todos os outros problemas  de amarmos o nosso país mas não gostarmos de tanto que o estragam, que não o respeitam.

Estes jogadores levam o nome de Portugal fronteira fora  com orgulho que sempre demonstram.

Viva PORTUGAL. 

Parabéns PORTUGAL

Portugal 1 x 0 Holanda Final da Liga das Nações CAMPEÕES 

06
Jun19

Um bailinho à Ronaldo!

Maria

 

Já tinha saudades de vibrar com o futebol, confesso. E ontem consegui ver os primeiros quinze minutos de jogo e os últimos trinta. Visto que pelo meio fui ao treino (e isto é um grande passo para quem me conhece, deixar o futebol para ir treinar!).

E já toda a gente sabe do que aconteceu, porque desde então não se fala de mais nada. Cristiano Ronaldo fez o hat-trick que deu a vitória a Portugal e por isso a tão desejosa passagem à final de Domingo. E de repente parece que não há mais ninguém na selecção que Ronaldo, dizem os críticos. Na verdade há. Mas pelo que se viu ontem do jogo, se não houvesse Ronaldo além da equipa, dificilmente ganharíamos o jogo. E acho que os próprios dos jogadores o reconhecem. Não vou falar de Felix, porque não é por sermos de clubes diferentes que o tenha que fazer, mas a opinião de puto mimado não mudo e acho que ele não esteve bem e a culpa de tanta glória à volta dele é dos media que o põem num patamar que há que ter calma. Há indignação por dizerem "Ronaldo e o resto da equipa" e depois não há quando dizem "Ronaldo, Felix e o resto da equipa"? A questão é que Ronaldo é incomparável. Felix é um puto que com a cabeça no sítio pode chegar longe. Ponto. Não confundir as coisas. E temos outros jogadores na selecção com cartas bem jogadas de carreira que não podem ser "inferiores" a Felix. Que entrou agora, não teve sucesso na estreia como titular e tem que trabalhar bem para merecer o lugar. Como acontece com todos.

Depois de tanto alarido à volta dele e da sua estreia na selecção antes do jogo, quando li um "O colega de equipa de Felix marcou três golos" (sarcasmo bom) foi aquela chapada de luva branca para quem não sabe o lugar que cada um ocupa. Mas os media é que influenciam isto. E mais do mesmo, na maior parte das vezes só influenciam mal! Dão protagonismo a quem querem dar porque na realidade é o que está a vender. As notícias são isso, certo?

E foi quando já tudo pensava que se seguiria o prolongamento que tudo muda.

Ronaldo tem o mérito. O primeiro golo através de um livre directo, ganho por ele e executado irrepreensivelmente em golo. O segundo golo aos 88minutos, muito mérito pelo passe em profundidade do Rúben Neves e pela perfeita recepção de Bernardo Silva que atrasou para Ronaldo que converteu no segundo golo e dois minutos depois o terceiro golo saído de uma das jogadas características de Ronaldo com um bailinho em frente ao adversário e um tiro à baliza certeiro. Estava feito. Mérito a quem é de mérito.

Nem sequer dei fé de Bruno Fernandes em campo. Domingo precisamos de mais um bocadinho da euipa. Se o Ronaldo estiver igual e conseguir um feito assim também era bom.

Pepe que se lesionou estando a fazer um óptimo jogo deve falhar a final, ainda não se sabendo o estado clínico mas a quem desejo rápidas melhoras e que seja só um susto.

Parabéns PORTUGAL estamos lá 

Portugal 3 x 1 Suíça meis finais da Liga das Nações, passagem à final

05
Jun19

Há coisas que me fazem espécie…e pessoas #19

Maria

IMG_20190605_133710_732.jpg

 

Irritam-me assim um bocadinho condutores que:

 

  • não dão o pisca ao virar a direcção tanto como aqueles que dão, quando já estão a efectuar essa mesma mudança de direcção.
  • condutores que andam no reme reme em sítios que não podemos ultrapassar e quando há uma aberta para ultrapassar eles aceleram, mas logo ali à frente volta aos 40, percebem?
  • aqueles condutores que vos micam através do retrovisor e começam todo um lançamento de charme à distancia via quatro rodas. A janela aberta, meio braço de fora e olhares. Baah. Coro de meia tigela.
  • Condutores que numa rua apertada onde quase não passam dois carros (nas aldeias há muitas!) param e ficam à espera que o outro se desenrasque nas manobras sem fazer uma única e contra nós gajas falo, que encontro muitas que nem sabem encostar o carro para dar passagem e ficam a olhar para uma pessoa a tentar lançar uns pozinhos para conseguir passar quase no cu da agulha.
  • Condutores que se colam à traseira do vosso carro, não numa de tentar ultrapassar assim que possível, mas numa de olha eu aqui coladinho - é só parvo!
  • Condutores que dão o pisca a assinalar que vão parar, abrandam mas depois andam mil setecentos e cinquenta metros em marcha lenta e pisca ligado (apertar-lhes o pescoço era pouco!).
  • condutores que se metem à estrada sem parar e vos forçam a uma travagem e que ficam a olhar só naquela de "eu sou o rei" - do quarto alugado ali na serrinha.
  • condutores que estacionam o carro, quase ao lado de outro já estacionado em sentido contrário. Principalmente numa estrada apertada e tens que andar ali a fazer manobras rés-bés campo de Ourique, quem vier que se amanhe!
  • na maioria camionistas que se acham os reis da cocada preta da estrada. É tudo, literalmente, à grande.
  • vão levar os filhos à escola e estacionam onde der, tipo em segunda ou terceira fila  e fazem parar o trânsito até que voltam ao carro com aquele sorriso amarelo a levantar a mão (é nestas alturas que me apetecia conduzir uma catrapiller escavadeira e passar tudo a ferro).
  •  

Mas agradeço todos os dias não ter que lidar com as filas e filas nas grandes cidades. Devem tirar anos de vida e isto da vida serem só dois dias é muito tempo.

Pág. 1/2

Sobre mim

foto do autor

Espreitem Como eu Blog

Expressões à moda das “tripas” do Porto!

Sigam-me

<>

INSTAGRAM

<>

<>

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Sorriso desde 11/02/09

<>

<>

Twita-me

<>

<>

Pesquisar

Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D