Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

SorrisoIncógnito

Todo o sorriso é apaixonante devido ao incógnito que o ofusca! SORRIR_um estado de espírito...

30
Jan19

Coisas que aprendi a trabalhar só com homens!

Maria

work.jpeg

 

- Os homens são mesmo uns criqueiros no que toca a estar doentes.

- a tampa da sanita (aquela saga) é um objecto no qual eles não tocam e a tocar nunca será para baixar.

- eles também ficam parados a olhar para o espelho da casa de banho.

- A caixa das bolachas tem sempre bolachas, mas nunca sabem como elas vão lá parar.

- Também são cuscos e também falam de bisbilhotices.

- As conversas deles juntos é mesmo isso que pensam, carros, futebol, mulheres, muito futebol e mulheres, vá e trabalho.

- Não são todos farinha do mesmo saco, naturalmente há os que cantam de galo e são provavelmente os que menos fazem. Os caladinhos às vezes enganam mesmo.

- Há os "pau para toda a colher". Fazem de tudo, são desenrascados, deitam a mão a tudo. Querem aprender de tudo. Fazem mais que o trabalho deles. Dão opinião. São confiantes. Põem a mão na massa. 

- Também há o que critica tudo do outro, o que opina sempre sobre o trabalho do outro. O que cusca sobre o outro e o que faz "queixinhas" - naturalmente - dos outros.

- Os homens percebem quando está sujo, mas nem sempre percebem quando está limpo.

- Há os que reparam quando cortas o cabelo, nem que seja só as pontinhas, e há os que não reparam de todo, mesmo quando mudas de morena para loira e em que percebem que alguma coisa está diferente mas não sabem bem o quê!

- Se há um rabo de saia na área que eles dêem conta percebe-se o "slow emotion" dos mesmos (e das máquinas)!

 

Podem sempre acompanhar todas as novidades pelo Facebook. Ou pelo Instagram - @sorrisoincognito 》

 ▪Texto em destaque na página do @SAPO

29
Jan19

Manias que ficaram de um ex

Maria

Nós temos manias, ou hábitos que ganhamos com a convivência com outras pessoas. Nomeadamente com os ex. Com amigos. Com colegas de trabalho.

Que manias ficaram de um vosso/a ex (ou de um amigo/a) que vos irrite só na parte de se lembrarem de como ganharam esse hábito/mania?

Por aqui foi o ir ao Mac e comer nuggets mergulhados em molho barbecue.

Oh delícia! O pior é que eu adoro aquilo. Fazer o quê?!

28
Jan19

Faceweek*

Maria

Voltamos ao Faceweek*?

Já desde o ano passado que não partilhava aqui fotografias dignas de um faceweek e está na hora de actualizar isto. Nada melhor que após a minha semana de aniversário. Que foi óptima. Recebi tantas palavras. Tantas mensagens. Telefonemas e é muito por aí saber que está mesmo lá. Quem nos interessa. A quem interessamos. Os dias importantes são para estar lá. Sem desculpas. Porque quer queiramos ou não, são dias diferentes. São datas especiais. E é assim que nos resolvemos, que nos encontramos.

Douro

Ali no melhor cantinho do mundo continua  a ser bom. Mesmo com o frio, com o tempo tropical, aquela paz fica.

IMG_20190128_081436.jpg

Alguns looks usados cuja tendência é serem quentinhos, o resto é gosto pessoal. A nossa moda. As botas bordeaux foram compradas em saldo e são bem quentinhas. As calças de ganga com detalhe laço, as leggings napa, o casaco preto de pêlo (fofinho e quente que só ele) e a capa branca em malha foram presentes de Natal.

E podem ver como gosto de calças pretas de napa, visto que nestas fotografias estou a usar três diferentes.

IMG_20190128_081803.jpg

Alguns recebidos do aniversário. Sendo que o primeiro anel da @One foi presente de Natal e o anel @Pandora é que foi de aniversário. Já me conhecem os gostos! Os brincos @Guess e a mala e porta-moedas da @PacoMartinez também foram presentes de aniversário. E o bolo que todos dizem que gostam.

IMG_20190124_002008_490.jpg

O pormenor da ultima manicure usada. Verniz da @Kiko acho eu!

Podem sempre acompanhar todas as novidades: 

23
Jan19

35 ❤

Maria

Ontem foi um dia especial. É sempre. O dia do nosso aniversário. E é daqueles dias que não há margem para chatices, para energias más, para pensamentos negativos. Nada disso. Ontem foi tudo "up". E com aquele sorriso que partilhei aqui estampado no rosto. Foi o meu dia. Como não ficar feliz com isso?

Não trabalhei da parte da tarde, como é hábito e aproveitei só para ficar sentada ao almoço até tarde, na conversa com quem me fez companhia. E dar um giro. Ri muito até ouvir de quem estava comigo "porque sempre te ris ao telefone?". Eu sou assim. Principalmente se todas as chamadas que recebi foram para me dar ainda mais sorrisos! O jantar foi com pessoas que me são importantes além dos meus pais. Foi tão agradável, uma surpresa a ver o meu FCP e a sua vitória, na conversa e na gargalhada com os amigos.

Quando me deitei, antes mesmo de me preparar para ver todas as mensagens que recebi (e ainda não consegui ver porque são imensas - mas já li algumas deliciosas) procurei uma fotografia da festa para partilhar. Não tinha. Não tenho fotografias da minha pequena festa de aniversário ontem (vá tenho uma do bolo e não tenho uma única fotografia com eles todos para recordar).

Só tive tempo de dar conta que não tinha fotografias como quase sempre acontece quando estou tão de coração com as companhias e nem sequer consegui ler mais mensagens - Aterrei. Adormeci de coração carregado, cansada, mas com aquela sensação que aproveitei muito bem o que me deram.

Consegui juntar dos meus amigos mais importantes com os meus pais, infelizmente e também por ser durante a semana não deu para juntar mais, e não tenho uma fotografia que seja. Nem com a minha afilhada. Nenhuma do jantar. Nem de cantar os Parabéns, nem dos brindes. Nem das gargalhadas. Das partilhas.

A única explicação que tenho é que, tudo foi tão preenchido e "saboreado" por mim, por nós, que os telemóveis foram secundários. A minha comadre deve ter uma ou outra foto minha com as pequenas a apagar as velas e só.

Às vezes parece impossível, mas o facto de acontecer é que estamos a viver o momento. Ontem era o meu e eu vivi. Aproveitei-o. E apesar de atender as chamadas, as mensagens já não consegui tomar conta. Não fui egoísta, mas tinha que aproveitar a festa e os meus, caso contrário não conseguiria aproveitar nada.

E hoje não tenho fotografias mas tenho uma memória fotográfica recheada. Cheia de emoções, um coração a transbordar e ainda parece que ouço o grito dos golos na minha cabeça.  Tenho uma felicidade em mim de ter momentos como este que me fazem ver o que vale realmente a pena. Aproveitar o momento com quem nos acrescenta é sem dúvida um mote para este novo ano meu.

Vocês que por aqui passam e ficam. Uns mais que outros vão fazendo parte.

20190122_220241.jpg

Obrigada. OBRIGADA de coração às muitas mensagens que recebi. Às palavras que me deixaram, tanto aqui no blog como no mail, facebook e instagram. Obrigada por esses sorrisoincognitos e acima de tudo obrigada por me ajudarem a continuar a sorrir. Beijinho e mil sorrisos!

Venham mais. Sim são 35 anos de sorrisos.  Estou feliz! Muito ❤

22
Jan19

Happy Birthday ❤

Maria

aniversario

 

TO ME ♥

Os 30, ali no ponto (dizem!),já passaram. O trinte e um em que me meti também já. Os 32 acho que nem dei conta. Os 33 passaram a correr mas fizeram-me sentir, apesar dos pesares, muito bem comigo mesma. Os 34 trouxeram o estar resolvida com a vida. Agora é sempre a subir, é o estar ali a meio pau para os entas e a superar (o "no ponto") eu espero.

É continuar a gostar muito de mim. A aceitar os defeitos e a acreditar nas qualidades. A orgulhar-me da pessoa que sou, da amiga que sou, da irmã e filha que tenho sido. A querer sempre ser uma pessoa melhor. E a lutar por isso todos os dias. A continuar a ser uma #MariaTexuga sem emenda depois de me alertarem que a vida é só uma e tamanhos de roupa há muitos! E o básico de tanta roupa e nada para vestir continuar igual. Sinto-me cada vez mais feminina, mulher de rugas expressões, sorrisos e experiências que a vida traz. Resolvida.

Que este seja um bom ano e que venham muitos mais que eu cá aguento!

Gosto de fazer anos. Gosto de comemorar estar aqui. Eles passam? Sim. Eu vivo! ❤

De coração cheio e com muitos sorrisos!

Gosto [-me].

Esta sou eu - "olha-me aquela trintona". Oh yeah! It's me and I'm ok about that! - é como já tenho dito aqui, mais ou menos isto. Sentido. Em bom! 

Parabéns a mim! 🎂🤞

21
Jan19

Os livros da JB e não só!

Maria

Já conhecem a JB (https://www.jbnet.pt)? Se não, passem a conhecer. A JB, uma empresa 100% portuguesa, surgiu no mercado em agosto de 1998, para revenda de artigos de papelaria. Está localizada em Vila do Conde. Ao longo destes anos, expandiu as suas áreas de negócio passando também a comercializar, além dos livros de edição geral, manuais escolares, cosmética, jogos e brinquedos, guloseimas (ai jasus!), consumíveis de informática, mobiliário de escritório, entre muitos outros. 

Têm um site muito intuitivo e fácil de navegar. Onde conseguimos facilmente perceber todas as áreas abrangidas por eles. Têm promoções, dicas e novidades sobre tantos artigos num só lugar. Não é óptimo? Partilhem com profissionais que conheçam.

doou mais de 200.000 livros, e afirma que se todos ajudarmos, não custa! Algo que sem dúvida é de aplaudir!

IMG_20190120_121739_348.jpg

Ora, a JB achou, e bem, que eu andava um pouco a leste com livros e enviou-me uns quantos. Entre eles veio um do [meu] querido Porto - até ao fim (como é óbvio!). Mas para não haver cá coisas também veio um do Benfica. Estou ansiosa por ler o Cenas de Gaja - interdito a menores de 21 anos. Há também o "Livro Mágico para Dormir feliz", o "Bolsa das Almas", o "Bem-vindo ao mundo do Wrestling" por Diogo Beja, o "O mistério de Bolama",  e o "Seguro de Crédito".

Já leram algum? Ou qual vos desperta interesse?

Pode ser que haja um passatempo :)

Obrigada à JB e votos de continuação de muito sucesso!

21
Jan19

Novidades um bocadinho abaixo do Pólo Norte.

Maria

Na sexta-feira a meio da tarde tive que sair à pressa do trabalho e correr até a um hospital próximo porque me ligaram a dizer que o meu Pai estava lá. Depois de lá passamos para outro onde deu entrada às cinco da tarde e de onde saímos já depois das três da manhã.

Hoje ainda estou abandalhada com o susto (e graças a deus foi só um susto espero) primeiro pelas horas que parecem dias de espera num serviço de urgência. Depois principalmente nesta altura que aquilo é um verdadeiro caos. Depois as informações que sempre são escassas e quase nem se tem a quem perguntar que andam todos a mil, e vá, o que eu tenho mesmo a reclamar são as condições de quem espera. Aquilo podia ter uns sofazinhos para uma pessoa esticar as pernas. Assim foi experimentar toda e qualquer posição de uma cadeira para outras na esperança de conseguir passar as mais de dez horas de espera. Assisti a tanta coisa. Mas não me quero nem lembrar de outra. 

Já depois de me deitar passava das quatro e tal da manhã e às nove estava a pé porque tinha marcado na oficina para passar lá com o carro.

Foi um fim-de-semana caótico a nível de sono que só hoje de manhã, claro, me custou imenso sair da cama depois de me debater com a preguiça de ainda não ter reposto o sono em falta e ter que pegar na mangueira com água gelada para tirar o gelo do carro debaixo de um nevoeiro intenso e os termómetros a marcar 1ºC.

Assim se está por aqui, um bocadinho abaixo do Pólo Norte, mas na esperança que esta semana seja melhor que o fim-de-semana.

Ou pelo menos que aqueça como aqueceu a temperatura ontem à noite a ver a dança do Teixeirinha no "Dança com as estrelas" - as mulheres percebem!

Boa semana!

18
Jan19

O amor é um lugar estranho. E fodido.

Maria

Maria diz

Dois olhares sobre a mesma coisa não vão sentir o mesmo. Às vezes é preciso todo um processo para te apaixonares. Às vezes aquele primeiro olhar foi tudo. Às vezes há todo um conjunto de momentos para te fazerem sentir. Às vezes foi - aquele - momento. E foi inexplicável. Mas foi o olhar. Com o coração. Em tudo na vida...

Se olhas para algo com o coração, não é difícil te apaixonares!

 [ ❤ ]

17
Jan19

O desafio é voltar, no meu caso, mais de vinte e cinco anos atrás...

Maria

Hoje quando acordei olhei para o telemóvel e vi que era 17 de Janeiro lembrei-me imediatamente de uma pessoa. Um amigo do tempo de escola. Da primária.

Não sei se aconteceu convosco, mas eu lembro-me ainda hoje, das datas de aniversário, ou pelo menos o mês dos meus amigos da primária e infância que fizeram durante alguns anos, mais ou menos parte da minha vida. Os que fazem anos no mesmo mês que eu, este, lembro-me do dia perfeitamente. O interessante é que ainda mantemos contacto. E o facto de hoje lhe ter mandado uma mensagem a desejar-lhe um feliz dia de aniversário e ele ter-me acabado de responder, mesmo estando do outro lado do mundo e mesmo não estando fisicamente com ele há anos continua a ser engraçado.

Crescemos juntos, fizemos a primária juntos, o ciclo e separamos-nos no liceu. Mas lembro-me de tanta coisa, passamos tanta coisa. eram tão bons tempos que poder mais de vinte e cinco anos depois manter contacto é óptimo. Mesmo não fazendo parte do grupo de amigos visto que milhares de quilómetros nos separam.

Isto sim é um desafio. Mantêm contacto com alguém que andou com vocês na primária? Ou lembram-se de alguma data importante de alguém que faça parte da vossa infância?

Pág. 1/2

Sobre mim

foto do autor

Espreitem Como eu Blog

Expressões à moda das “tripas” do Porto!

Sigam-me

<>

INSTAGRAM

<>

<>

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Sorriso desde 11/02/09

<>

<>

Twita-me

<>

<>

Pesquisar

Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D